Locais Permitidos

Os cachorros têm períodos de calma e de excitação e como qualquer bebé, não têm noção que podem correr perigo, com certas acções ou que certos objectos não servem para brinquedos.

Aqui temos que nos colocar ao nível dos olhos do cão e ver o que lhe pode chamar a atenção e ser perigoso ou aquilo que não queremos à mercê dos seus dentinhos.

Tem isso em conta e limita o espaço do teu cão quando não o estás ativamente a supervisionar.

Existem babygates com as quais podes limitar o acesso a espaços onde um puppy pode destruir objectos, mandar objectos ao chão e/ou magoar-se.

Já perdi a conta ao número de telemóveis, carteiras e respetivos cartões, comandos, óculos e chaves de carro destruídos por serem confundidos com brinquedos para roer!

São infindáveis as traquinices realizadas, mas na sua maioria podem ser evitadas com a devida supervisão e uma correta gestão do espaço e dos acessos.

Outro pormenor a ter em conta é o acesso a escadas e varandas, todos os desníveis e acessos ao exterior sem supervisão.

Os cães, podem não ter noção do perigo que correm quando se lançam em mais uma aventura, quando saltam para um suposto acesso superior ou se lançam escada abaixo na tentativa de apanhar uma bola ou qualquer outro objeto que se dediquem a perseguir.

Piscinas, poços e qualquer outro local, onde um cão pode cair ou se afogar, também são locais proíbidos sem supervisão ativa.

Mais duvidas sobre este tema? Fala comigo!

Conhece o Kit do Cachorro aqui:

https://landing.mailerlite.com/webforms/landing/l3a5k3

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.